Vida Livre investe em denim estampado no verão

A marca que trabalhou o tecido estampado por sublimação nas outras coleções, desta vez inovou, ao comprar jeans com estampas diferenciadas, direto do fabricante, para fazer calças, shorts e minissaias.

Marca de Laguna (SC), a Vida Livre está desenvolvendo o verão 2014 para ser lançado no final deste mês. Serão 120 modelos, sendo metade deles em jeans, com modelos acompanhando a grade do 38 ao 48, destinados a garotas de 15 a 25 anos. Para a estação, a marca inovou com denim estampado pelo fabricante do tecido. “A gente já tinha trabalhado em outras coleções com denim estampado, mas as estampas eram feitas por processos de sublimação, no avesso do tecido. Agora, decidimos investir no denim que vai chegar já estampado”, explica Gisa Goulart, estilista de jeans da marca.

As estampas serão diferenciadas para serem usadas em calças, minissaias e shorts, diz ela. Toda a coleção foi inspirada no Rio de Janeiro e no samba, com muito colorido, brilho e estampas relacionadas. As modelagens foram mantidas: calças skinny, reta, flare, confort (boyfriend com o gancho um pouco mais ajustado), carrot e cigarrete; shorts justos, curtos ou meia coxa, conforts e bermudas; e as minissaias. As lavagens também permaneceram as mesmas, variando desde o amaciado ao vintage com delavês, super destroyer, used, puídos e lixados.

Os modelos da estação foram trabalhados com bordados e aplicações de metais, tachas e spikes com banhos em ouro, níquel e cobre. “Mantivemos as lavagens e as aplicações, porém, a maneira pela qual foram usadas é o que diferencia uma coleção da outra. A linguagem da marca é a mesma, mas a aplicação dos processos é diferente”, conta Gisa. A Vida Livre também trabalhou calças cigarrete e shorts confort com jeans de avesso colorido nas cores verde, vermelho, rosa e amarelo. Para a estação, a marca variou o mix de produtos com jaquetas curtas na sarja ou no jeather. Quando no jeather, as peças seguiram os tons preto, vermelho e verde. Já na sarja lisa, verde, amarelo, azul, branco, preto e laranja foram os tons escolhidos para jaquetas, calças, shorts, bermudas e minissaias.

A Vida Livre está no mercado há 17 anos e pertence ao grupo Lona Azul, que tem mais uma marca própria feminina (Dádiva), uma licenciada masculina e feminina (Fico) e pretende lançar mais uma marca masculina no mercado a partir do final de abril. Atualmente, a Vida Livre comercializa suas peças através de 20 representantes que atendem 400 multimarcas distribuídas pelo sul, pelo sudeste e por alguns estados do nordeste (Bahia, Sergipe e Alagoas). Para 2013, a marca pretende expandir o atendimento por toda a região nordeste e acrescentar a região norte, aumentando para 550 multimarcas a carteira de clientes. “Para isso funcionar, estamos buscando, pelo menos, mais cinco representantes para atender os novos lugares”, divulga Juliano da Rosa, gerente de marketing da Vida Livre. Hoje, cerca de 60% da produção é própria e os 40% restantes são terceirizados, incluindo os serviços de lavanderia. A produção mensal, só da Vida Livre, chega a 15 mil peças.

*colaborou Flávia Toledo
 


  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4