Pepsi lança primeira coleção de jeans

A estréia foi anunciada junto com a coleção de outono/inverno da marca licenciada no Brasil para a Fakini Malhas.

Relançada com o verão 2014, a Pepsi Clothing estendeu o contrato de licenciamento com a Fakini Malhas, de modo que o fabricante de Pomerode (SC) passa a produzir também a linha de jeans da marca. A nova linha estréia junto com a coleção de outono/inverno do ano que vem, cuja campanha já está fotografada e tem previsão de lançamento em fevereiro. A participação dos novos itens ainda é pequena.

Dos 75 modelos desenvolvidos para a estação de outono/inverno, dez correspondem a jeans – cinco femininos e cinco masculinos. “A idéia é ter um crescimento gradativo no mix desse produto, já que é primeira coleção jeans, da Pepsi, em que a Fakini Malhas trabalha”, salienta o coordenador de marketing da empresa brasileira, Luiz Gama Junior. Atualmente, cerca de 500 lojas multimarcas trabalham com a coleção Pepsi Clothing no Brasil. No próximo ano, a expectativa é conquistar outros 300 lojistas.

O canal de vendas da marca, que está concentrado na região sudeste, deverá expandir para outros países do Mercosul, informa o coordenador da Fakini. Iniciou vendas na região pelo Paraguai. Para fazer frente à expansão pretendida, a empresa pretende contar com equipe de 70 representantes comerciais, que vai trabalhar com a linha completa de vestuário da Pepsi.

Na linha masculina, o jeans da marca tem calças e bermudas, que privilegiaram a modelagem skinny. Para mulheres, além de calças de cós médio, a coleção inclui saias e shorts jeans, trabalhadas com lavagens mais pesadas e aplicações de spikes sobre tecidos elastizados, comenta o coordenador. Embalada pelo rock n´roll, a coleção tem ainda a parte de cima feita em malha, com camisetas e blusas.

Segundo o coordenador, a linha de roupas da Pepsi não atingiu a meta inicialmente prevista de 35 mil peças por mês na primeira coleção. “Foi um ano de forte retração no mercado têxtil, clima confuso, economia instável e crises políticas. Com isso, revisamos quantidades e volumes de produção, visto ser um novo mercado de atuação da empresa”, analisa Francis Frachini, diretor comercial da empresa. De outro lado, diz, o preço médio dos produtos foi 20% maior do que o previsto, com a venda do segmento feminino ficando acima das expectativas.

Com parque fabril instalado em área de 20 mil metros quadrados, a Fakini tem capacidade para produzir cerca de 1 milhão de peças por mês. Prestes a completar 20 anos, em 2014, a empresa opera com a própria marca, com linhas para crianças, adolescentes e adultos, além de ser licenciada da Pepsi, da Disney, Os Simpsons, Pucca, Smurfs, Transformers, Batman, Ursinhos Carinhosos, ThunderCats, Tartarugas Ninja, Playstation e Bob Esponja.

GALERIA DE FOTOS
 


  • Foto 1
  • Foto 2