Hering divulga prévia de resultados

No último trimestre de 2016, a receita bruta da varejista caiu 15,2% na comparação com igual período do ano anterior.

O balanço auditado de resultados financeiros da Cia Hering só será publicado no final de fevereiro, mas, na semana passada, a empresa divulgou uma prévia, com receita bruta e tamanho da rede de lojas. O desempenho de vendas mostra forte queda na receita bruta do quarto trimestre de 2016 em relação ao mesmo período do ano anterior, passando para R$ 515,2 milhões, que representam recuo de 15,3%. A retração contaminou o consolidado do ano. Em 2016, a receita bruta fechou em R$ 1,7 bilhão, 8% a menos que o registrado em 2015.

Embora ao longo do ano, a companhia tenha fechado mais lojas que aberto, o saldo ficou positivo entre outubro e dezembro, quando foram inauguradas 11 unidades – duas da Hering Store e nove da Hering Kids – e encerrado uma operação da bandeira PUC. Assim, a empresa conclui 2016 com 834 pontos no total, seis a menos do que mantinha em 2015. Do total, 816 estão no Brasil, entre lojas próprias e franquias, e 18 operam no exterior.

A rede Store continua sendo a maior com 644 lojas, ao final de dezembro. A Kids foi a que mais avançou, encerrando o ano com 106 pontos, e a PUC a que mais encolheu, ficando com 63 unidades, nove a menos que em dezembro de 2015. A Dzarm permaneceu com três lojas. “Em 2016 foram encerradas 32 unidades, das quais três da marca Hering for you, cujos pontos de venda foram convertidos em Hering Kids”, destaca o relatório com a prévia dos resultados.

A queda geral das vendas foi influenciada pelo desempenho da rede Hering Store, cujo faturamento encolheu 11,6% no quarto trimestre, afetado pela concentração de reformas no período, que resultou em fechamento temporário de diversos pontos de venda. Ao longo de 2016, o chamado Plano de Reformas atingiu cem lojas em 18 estados. As lojas tiveram o layout modernizado priorizando técnicas de visual merchandising, novas fachadas, melhor iluminação nas áreas de venda, nova organização de produtos, distribuídos por seções, como jeans e básico, entre outras melhorias.

 

Hering divulga prévia de resultados

Receita bruta da rede varejista, que também conta com produção própria, cresceu apenas 0,5% no quarto trimestre sobre igual período de 2013.

A Cia Hering, detentora de cinco marcas, divulgou nesta semana prévia dos resultados do quarto trimestre de 2014. Pelos números, ainda não auditados, a empresa obteve receita bruta de R$ 612 milhões, que representa aumento de apenas 0,5% sobre o apurado no quarto trimestre de 2013 (R$ 608,9 milhões). Descontados impostos e outras taxas, o mais provável é a receita líquida ficar menor.

Segundo o comunicado, “no critério ‘mesmas lojas’, o qual considera apenas lojas abertas há mais de 12 meses, a venda retraiu 3,8%, reflexo direto da queda de atendimentos ao longo do trimestre”. Ao longo do ano, a Hering abriu 67 lojas, das quais 46 foram inauguradas no último trimestre do ano, incluindo duas da nova marca Hering for You. Inicia 2015 com rede de 827 unidades, 17 delas no exterior.

A rede da Hering Store continua sendo a maior. Tendo aberto 48 lojas ao longo de 2014, encerra o exercício com 640 pontos, o que elevou as vendas totais da marca em 1,6%, diz a companhia. A Hering Kids é a segunda maior com 86 unidades e a PUC segue atrás com 82 lojas. No exterior, a companhia tem 17 franquias.