Mega Polo investe R$ 180 milhões em Goiânia

A previsão é inaugurar o novo complexo atacadista, em modelo semelhante ao do Brás, em setembro do próximo ano.

O shopping atacadista Mega Polo Moda, que mantém um complexo no bairro do Brás, vai instalar em Goiânia (GO) sua primeira unidade fora de São Paulo (SP). O projeto prevê investimentos de R$ 180 milhões e a previsão é de inaugurar o Mega Polo Goiânia em setembro do próximo ano. O shopping paulista tem como sócia a empresaTerral Shopping Centers, especializada no desenvolvimento e administração de empreendimentos comerciais. Serão inicialmente 21,4 mil metros quadrados de área construída e 222 lojas. Até o momento, estão confirmados 48 participantes, entre os quais fabricantes de jeans de Paraná, São Paulo e Goiás, informa ao GBLjeans Adelino Basílio, diretor comercial do Mega Polo Moda. De acordo com o executivo, há outras 34 reservas.

A escolha do local considerou a concentração de confecções e o potencial logístico e econômico da região. São 5 mil confeccionistas formais e outros 4 mil informais, diz Basílio. A expectativa é de atrair lojistas de toda região centro-oeste, do norte e do nordeste, que não fazem compras em São Paulo. As lojas têm de 40 a 150 metros quadrados e os valores variam de acordo com a localização. A unidade de Goiânia terá área total de 71,3 mil metros quadrados e estão previstas futuras ampliações. O shopping de atacado será erguido entre as avenidas Bernardo Sayão e Goiás, onde se concentra o fluxo de lojistas e revendedores de moda na capital goiana. O executivo diz que não há empreendimento desse porte na região e a iniciativa deverá trazer desenvolvimento para o local.

Seguindo o modelo de São Paulo, o Mega Polo Goiânia contará com rodoviária com capacidade para estacionar aproximadamente 50 ônibus, estacionamento para 900 carros e praça de alimentação; futuramente poderá contemplar também um hotel, informa Basílio.

Ação Social
Como parte da ação de responsabilidade social realizada na cidade, está decididio que um percentual do lucro do Mega Polo Goiânia será destinado para a Fraternidade e Assistência a Menores Aprendizes (Fama), entidade que atua desde a década de 1940 na região, segundo Basílio. O Mega Polo mantém investimentos em outros shopping centers fora da capital paulista, mas que não operam com a mesma bandeira.

GALERIA DE FOTOS
 


  • Foto 1
  • Foto 2
  • Foto 3
  • Foto 4
  • Foto 5