Equus planeja expansão no varejo

Expectativa da marca é abrir 12 lojas no próximo ano, cinco das quais no primeiro semestre

Depois de ter enxugado a rede desde 2015, quando chegou a ter 75 lojas de varejo, a Equus volta a traçar planos de expansão. Atualmente com 37 pontos em operação, a expectativa da marca de moda feminina é abrir 12 unidades ao longo de 2019, sendo uma própria e 11 franquias. Do total de franquias, cinco deverão ser abertas no primeiro semestre e as demais seis no segundo semestre. Segundo a marca, as regiões de preferência passam pelo interior de São Paulo, a mais recente estreou em Presidente Prudente, no Prudenshopping; litoral paulista; Belo Horizonte e Uberlândia (MG); Londrina e Curitiba (PR); Grande Porto Alegre e Santa Maria (RS); Goiânia (GO); e Rio de Janeiro.

Já com a coleção de primavera/verão 2019 à venda, a marca lançou em novembro a linha de jeans, com um amplo mix de modelos. Entre as lavagens desenvolvidas, a Equus aponta efeitos de sépia, que deixam as peças com cara de ‘empoeiradas’; destroyed; e bleached bem descarregado. Outra opção são os jeans raw que assumem a cor original do denim.

Para as calças, prevaleceram as cinturas altas. Nos shapes, as opções incorporaram comprimento capri e cigarrete, além de skinny e flare. Com relação ao acabamento das calças a equipe de estilo explorou detalhes como faixas esportivas, peças detonadas, amarrações, desfiados, reservas, aplicações de patches, uso de termocolantes e bordados de linha coloridos. Para a estação, a linha de jeans trabalhou com tecidos leves para camisas, bralletes (top em formato de sutiã com corte de esportivo para deixar à vista), pantalonas, chemises e vestidos.

Fundada em 1976, a Equus iniciou o franchsing no início dos 2000. Das 37 lojas em atividade em 2018, 19 são próprias. Uma franquia padrão da marca requer ponto em torno de 50 metros quadrados e investimento inicial a partir de R$ 334.500.

GALERIA DE FOTOS

previous arrow
next arrow
ArrowArrow
Slider