Eckzem vai abrir em Manaus primeira pronta-entrega pelo sistema de franquia

Com esse modelo, a marca de Goiânia (GO) avalia que terá mais condições de expandir participação e, por isso, planeja inaugurar outros dois pontos até o fim de 2011

Eckzem Alto-Verão 2010

 

Reformulando sua estratégia de expansão, a Eckzem inaugura em Manaus (AM) uma loja de pronta-entrega pelo sistema de franquia. Com isso, o objetivo da marca é atender a todo o estado do Amazonas, prevendo aumento de até cinco vezes no número de multimarcas da região, alcançando cerca 150 pontos com a pronta-entrega fraqueada, prevista para entrar em operação em março. Também espera que o novo modelo contribua para aumentar a produção que, em 2010, deverá atingir 190 mil peças por mês, volume 20% maior quando comparado a 2009.

 

No ano passado, a marca fechou com média mensal de 160 mil unidades, comemorando aumento de 60%. Ao optar pelo sistema de franquia, a Eckzem acredita que terá resolvido o problema de administrar sua própria loja de pronta-entrega em cidades muito distantes da sede da empresa, localizada em Goiânia (GO).

 

“Chegamos a ter uma pronta-entrega em São Paulo há algum tempo e acabamos tendo problemas devido à administração feita à distância. Dessa vez, a gestão será controlada pelos franqueados e seremos capazes de atender ao público de todo o Amazonas, que há tempos pede por nossas coleções e não tínhamos como atender pela dificuldade do transporte de mercadorias”, explica Gicelmo Vieira, diretor da Eckzem. O investimento na pronta-entrega franqueada está avaliado em R$ 400 mil, com a expectativa de gerar vendas de até 20 mil peças mensais na região.

 

 

Eckzem Alto-Verão 2010

 

De acordo com o executivo, o plano da empresa goiana inclui a abertura de duas outras lojas de pronta-entrega franqueadas nas regiões nordeste e sul do Brasil. A previsão é de que a segunda unidade nesse modelo seja inaugurada no segundo semestre, em Fortaleza (CE), enquanto a terceira seria aberta até o fim de 2011, no Paraná.

 

Projeto revisto

 

Em junho de 2009, o plano da Eckzem era montar uma rede de 12 lojas próprias de varejo para, em 2011, expandir com lojas franqueadas. A previsão era encerrar 2009 abrindo três lojas próprias, projeto que não aconteceu. “A abertura das lojas foi adiada. Dos três pontos previstos para o ano passado, dois serão abertos em 2010. Em Brasília (DF), a loja deverá ser inaugurada em março junto com a abertura de mais um shopping center na cidade. O ponto próprio em São Paulo deverá ser aberto até o fim do ano e, por não termos achado um local adequado no Rio de Janeiro, decidimos repensar a abertura dessa unidade”, conta Vieira. 

 

Gicelmo Vieira - diretor da Eckzem

 

Segundo ele, a rede de franquias de varejo, que deveria ser iniciada em 2011, também foi congelada. “Com a inauguração das lojas de pronta-entrega franqueadas, vamos poder ter uma ideia melhor sobre o negócio de franquia e, portanto, vamos esperar um pouco mais para iniciar a abertura das franquias de varejo, ganhando mais experiência”, explica.

 

Com cinco lojas próprias de varejo em funcionamento, a Eckzem decidiu reformar as duas unidades de Goiânia, com investimento de R$ 200 mil. A primeira, localizada no Buriti Shopping, foi reaberta em novembro, e a segunda instalada no Goiânia Shopping ficará pronta até o final de abril.

 

 

Eckzem Alto-Verão 2010

 

Atualmente, a Eckzem atende cerca de 5 mil multimarcas com produção mensal de 160 mil peças. Vieira credita o aumento no volume de produção em relação ao último ano, de 60%, ao lançamento de novos produtos no mix. “Junto com o vestuário, lançamos óculos, perfume e bonés. Além disso, as bermudas da marca, que só eram comercializadas nas lojas próprias, passaram a ser vendidas para as multimarcas, e isso também fez diferença na produção”, comenta. Segundo ele, hoje, a linha de acessórios chega a 40 mil itens mensais.

 

Para o inverno 2010, a marca preparou sua coleção dando atenção especial a detalhes em metal, com rebites e puxadores diferenciados por efeitos de ferrugem. As modelagens carrot, slim, skinny e boyfriend são as principais, e efeitos resinados e de bigode 3D estão entre os trabalhos de lavanderia da estação.

 

Verão 2011

 

Eckzem Alto-Verão 2010

 

Em processo de desenvolvimento de sua coleção para o verão 2011, a Eckzem destaca o contraste das modelagens amplas e justas. Na linha masculina, as calças skinny chegam junto com o modelo saruel em versão exagerada, enquanto a linha feminina dá preferência aos modelos boyfriend e jeggings.

 

Os efeitos de lavanderia são poucos e sóbrios, como a aplicação de resina para segurar a cor do denim e o sobretingimento de bases black e azul em tons de banana, chá antigo, verde musgo e grafite. Coletes e jaquetas recebem detalhes brilhantes.

 

fotos: divulgação