Adji reforça coleção de verão

No inverno, a marca de moda masculina investiu em detalhes de estampas, bordados e aplicações a laser

 

 Daqui a um mês, a marca de roupas masculinas Adji lança a coleção de verão 2008, amparada por um conjunto de 500 modelos, incluindo os acessórios. Na estação quente, a empresa incorpora uma quarta linha – a Acqua – que agrega os itens de calor como as roupas de banho. Já a coleção de inverno que está nas lojas trabalha com a duas linhas principais, além dos acessórios – a Stilo e a Casual -, somando 400 itens.

 

 

Na Stilo, para o inverno 2007, a equipe de desenvolvimento da Adji recorreu às manifestações artísticas de rua e estampou as peças com detalhes que lembram os grafites e as pichações. Bordados e aplicações a laser deixam camisas, camisetas, malhas e moletons com aparência moderna. As calças jeans têm lavagens escuras e básicas, mas com detalhes diferenciados como bolsos traseiros maiores e recortados. Também nas peças da linha Casual aparecem os detalhes de bordados, aplicações a laser, cores outonais monocromáticas ou tons sobre tons, e próximos como o preto/cinza.

 

 

A divisão dos modelos em linhas complementares tomou forma há quatro anos, quando a empresa decidiu reposicionar a marca optando por um estilo mais urbano, conta Denis Adjiman, gerente de marketing da empresa. Aos 34 anos, a Adji credita a longevidade à capacidade de investir em ciclos de mudanças.

 

Foi assim quando investiu no modelo de franquias, há 18 anos, quando o sistema de franchising de vestuário apenas começava a engrenar no Brasil. O executivo aponta outros ciclos importantes de mudanças como “a aposta no mercado do Norte e Nordeste e a transição do modelo atacadista para a operação de venda programada ao invés da pronta entrega”. Iniciado em 2001, o processo prevê entregas regulares durante toda a coleção. Segundo o gerente, 80% da produção é terceirizada.

 

 

Ainda assim, a Adji mantém duas lojas para vendas por atacado. A produção é escoada por quatro lojas próprias para atendimento ao varejo, 30 franquias e 500 lojas multimarcas. A empresa exporta para países da Europa (Espanha, o principal destino, Portugal, Itália), além do Japão e países da América do Sul, desde 2002. De modo geral, entre os produtos, as camisas continuam como carro-chefe da marca. “Mas a linha de malharia (camisetas e pólos) cresce a cada estação”, diz Adjiman.