Brasil é classificado como melhor mercado para investimento em varejo

Conclusão é de estudo feito por consultoria norte-americana; no varejo têxtil, país fica em sétimo lugar

Estudo de mercado feito pela consultoria AT Kearney, com sede nos EUA e escritório em São Paulo, classificou o Brasil em primeiro lugar como mercado potencial para investimentos externos no varejo neste ano, em uma lista com 30 países em desenvolvimento. No ano passado, o Brasil ocupava a quinta colocação. A América Latina lidera a lista, pois em segundo lugar está Uruguai e em terceiro, Chile, seguidos de Índia, Kuwait e China.



A consultoria também elaborou uma classificação específica para o varejo de vestuário. Nesta, porém, o Brasil cai para a sétima colocação, e a China aparece como mercado mais promissor. O estudo leva em conta, além do potencial de mercado, a situação política e econômica geral do país.

Para o varejo em geral, o Brasil foi classificado como auge de oportunidade (peaking, em inglês). Nessa categoria, o perfil dos consumidores é de que buscam maior exposição a marcas globais, com desenvolvimento de shoppings e disponibilidade de imóveis. Quanto a forma de entrada no mercado brasileiro, recomenda o modelo de operação direta de lojas, e a contratação e treinamento de pessoal local.